Visite a página de Recursos para servir com segurança para dicas e ferramentas para servir de forma segura a sua
comunidade e faça uma doação à LCIF para impulsionar o serviço dos Leões do conforto e segurança do seu lar.

Início The Lions Blog Mesas pequenas fazem uma grande diferença
Dentro do clube

Mesas pequenas fazem uma grande diferença

Joan Cary 10 de Junho de 2021

Quando os Leões de Agawam, em Massachusetts, autorizaram fundos para construir 20 carteiras escolares para alunos que estudam em casa, os associados cautelosos se perguntaram se teriam sorte em doar tantas carteiras.

Mas mesmo um Leão experiente pode subestimar o poder de um bom projeto de serviço.

Este projeto também aumentou muito a conscientização em nossa comunidade sobre o que nosso clube faz, especialmente para os nossos jovens.

Isso foi em 8 de dezembro de 2020. Três meses depois, 231 carteiras escolares foram construídas e entregues às crianças, e os Leões concluíram com sucesso seu Programa de Carteiras Escolares Gratuitas para Alunos.

Agawam Small Desks 1

“A demanda por elas realmente nos surpreendeu”, diz o Leão Dick Lanier, que tem uma oficina em casa e, inadvertidamente, tornou-se líder do projeto e porta-voz. “Mexemos em casa de marimbondo”.

Após a reunião de dezembro, a filha de Lanier, a Companheira Leão Cheryl Terramagra, postou o novo projeto do clube em sua página do Facebook, perguntando se alguém tinha um filho que precisava de uma carteira escolar para aprendizado remoto. Na manhã seguinte, ela tinha 157 pedidos.

Lanier começou a trabalhar oito horas por dia em sua oficina construindo as carteiras de madeira de pinho e madeira compensada.

Agawam Small Desks 2

Outros, incluindo não Leões inspirados, fizeram o mesmo, passando horas sozinhos em suas lojas sob as restrições da COVID-19, mas confiantes de que estavam ajudando crianças que de outra forma estariam estudando na mesa da cozinha, mesa de centro, na cama ou no chão.

“Nos sentimos muito bem com o projeto”, diz Lanier. “Foi uma bênção para nossos alunos que estão no aprendizado remoto e híbrido. O feedback de educadores e pais afirma claramente que essas carteiras foram transformadoras para muitos alunos em suas experiências de aprendizagem às vezes caóticas. A mudança foi dramática para alguns que estavam realmente com dificuldades.

Os Leões de Agawam tiraram a ideia das carteiras de um ex-associado que se mudou para a Califórnia e viu na TV que um Leão de Auburn Host estava construindo carteiras para crianças. Ela compartilhou a notícia com seu antigo clube. O Leão Mike Hakenjos, presidente do Crete, de Illinois, também viu a notícia e decidiu apoiar sua comunidade construindo carteiras escolares em sua oficina. Com a ajuda de companheiros Leões e amigos não Leões, eles construíram 50 carteiras para crianças em idade escolar.

Agawam Small Desks 3

Hakenjos e Lanier se conectaram online para trocar ideias de design, e o Leão de Agawam Frank Terramagra otimizou o design para que os criadores pudessem fazer quatro mesas com uma folha de compensado 4 por 8 e cinco 2 por 4 com pouco ou nenhum desperdício. Esses planos agora estão publicados nas páginas do Facebook do Agawam e do Crete.

Embora a mão-de-obra fosse gratuita, os materiais não foram. Os Leões de Agawam receberam apoio financeiro de vários doadores privados, bem como uma doação de US$ 3.800 da loja The Home Depot para cobrir o custo da madeira, disse Lanier, que enfatiza a importância de envolver a comunidade nos projetos.

A professora do jardim de infância Cindy Yaverski de Crete viu a mesma necessidade de apoio comunitário. Professora por 30 anos na Escola Primária de Crete, ela viu famílias passando por dificuldades durante a pandemia, e seis ou mais de seus alunos receberam as carteiras escolares com alegria, diz ela. Não apenas as crianças ficaram agradecidas, mas seus pais e avós também. Uma mulher cuidava de seis netos, cada um deles precisando de um lugar tranquilo para estudar.

“É uma ideia incrível e está ficando cada vez maior”, disse Yaverski. “Ela é muito importante.”

Em Agawam, Lanier diz que os associados do clube ficaram tão comovidos com o projeto que agora estão estabelecendo o primeiro núcleo do distrito voltado exclusivamente para as crianças e suas famílias.

“Vamos pegar muitos novos associados que desejam fazer parte de nossa cultura para melhor servir nossa comunidade, especialmente nossa população mais jovem”, disse Lanier.

“Estes são tempos muito animadores para nós, tudo resultado do sucesso do projeto das carteiras escolares e nosso foco recém-descoberto nas necessidades de nossa comunidade. Não sei para onde tudo isso está indo, mas estamos no caminho certo!”

Conte para nós como o seu clube tem servido com segurança. Publique suas histórias nas mídias sociais usando a hashtag #WeServe, e inspire outros Leões ao redor do mundo a fazer o que puderem para continuar a servir suas comunidades.


Joan Cary é a editora assistente da Revista LION.

A pandemia de coronavírus (COVID-19) impactou comunidades em todo o mundo de diferentes maneiras. Para garantir que estamos servindo com segurança onde quer que vivemos, os Leões devem seguir as diretrizes dos Centros de Controle de Doenças, da Organização Mundial da Saúde ou das autoridades locais de saúde. Visite nossa página Servindo com segurança para obter recursos que podem ajudar você a servir sua comunidade com segurança.