Ajude aqueles ao redor do mundo que precisam de assistência para encontrar segurança e proteção
doando para o Fundo para Refugiados e Desabrigados de LCIF. Veja como estamos apoiando a Ucrânia.

Início The Lions Blog Os Leões dão a volta no mapa para conscientizar acerca do diabetes
Ação Global

Os Leões dão a volta no mapa para conscientizar acerca do diabetes

Companheira Leão Sari-Elle Kraemer 05 de Fevereiro de 2021
Heidelberg - Warringal Lions Clube (Distrito 201V1-4) Leões caminham em um pequeno grupo, mantendo distanciamento social, para o evento "Volta no mapa".
  • Em toda a Austrália, mais de 1,3 milhão de pessoas têm diabetes, sendo 283 diagnosticadas a cada dia.
  • Os Leões da Austrália alcançaram com sucesso sua meta de registrar uma distância combinada percorrida que excede a circunferência da Austrália (25.760 quilômetros) até o Dia Mundial do Diabetes em novembro.
  • O diabetes foi nomeado uma das cinco principais áreas de foco de Lions International, e o Lions Austrália está incentivando as pessoas das comunidades a permanecerem ativas, principalmente durante a pandemia do coronavírus (COVID-19).

Ficamos radiantes ao ver tantas pessoas calçando tênis, registrando alguns quilômetros e ajudando a aumentar a conscientização sobre o diabetes.

A maior organização de serviços da Austrália, Lions Australia, conseguiu “dar a volta no mapa” da Austrália duas vezes, aumentando a conscientização sobre o diabetes e incentivando os australianos a se manterem saudáveis durante a pandemia.

Os Leões de todo o país calçaram os melhores tênis para caminhar nas últimas semanas e meses e alcançaram com sucesso a meta de registrar uma distância combinada percorrida, que excede a circunferência da Austrália (25.760 km), antes do Dia Mundial do Diabetes em 14 de novembro de 2021. A organização informou que não apenas deu a volta no mapa uma vez, mas já registrou uma distância combinada de 185.602 km, quase sete vezes a distância da circunferência da Austrália.

Lançadas no ano passado, as caminhadas e campanhas “Volta no mapa do Lions”, ideais para famílias das comunidades, aumentaram a conscientização sobre a epidemia do diabetes na Austrália. Embora a COVID-19 tenha impedido a realização de grandes eventos comunitários, o Lions Austrália estava determinado a continuar a campanha Volta no mapa neste ano, e tiveram um sucesso retumbante.

Lions do Valentine Lions Club (Distrito 201N3) no guichê de inscrições durante o evento.

Lions do Valentine Lions Club (Distrito 201N3) no guichê de inscrições durante o evento.

“A COVID-19 mudou a forma como vivemos e trabalhamos, e nunca houve um momento tão crucial para destacar a importância dos exercícios e de uma vida saudável”, disse Pat Mills, coordenadora nacional do diabetes do Lions. “Ficamos radiantes ao ver tantas pessoas calçando tênis, registrando alguns quilômetros e ajudando a aumentar a conscientização sobre o diabetes”.

Desde eventos em shopping centers e academias a caminhadas em parques com exames do diabetes para os participantes e acesso a esclarecedores profissionais da saúde, houve uma grande variedade de eventos realizados como parte da campanha Volta no mapa.

“Lions clubes de toda a Austrália reportaram uma distância combinada de 185.602 quilômetros percorridos com mais ainda por vir nas próximas semanas”, disse Mills. “Também foram arrecadados nos eventos mais de US$ 14.000, que serão doados aos programas Leonísticos de Conscientização acerca do Diabetes e à Fundação Australiana do Lions. Muito obrigada a todos os clubes e respectivas comunidades que participaram dos eventos Volta no mapa deste ano”.

“O diabetes pode levar a doenças graves que afetam o coração e vasos sanguíneos, olhos, rins, nervos e dentes”, disse ela. “Na maioria dos países de alta renda, o diabetes é uma das principais causas de doença cardiovascular, cegueira, insuficiência renal e amputação de membros inferiores. Espera-se que ele afete 629 milhões de adultos até 2045. Os Leões de toda a Austrália se empenham em fazer o possível para aumentar a informação sobre o diabetes”.

O diagnóstico precoce, tratamento correto com suporte e gerenciamento efetivos e contínuos reduzem o risco de complicações relacionadas ao diabetes; e, nos últimos anos, os Lions Clubes da Austrália têm se concentrado em aumentar a conscientização e obter fundos para bancar mais pesquisas vitais sobre o diagnóstico e tratamento.

Leões do Mitcham Inspirante Lions Club (Distrito 201V5) posando para fotos durante o evento "Volta no mapa"

Leões do Mitcham Inspirante Lions Club (Distrito 201V5) posando para fotos durante o evento "Volta no mapa"

Desde que o primeiro Lions clube foi formado na Austrália, há 70 anos, os clubes cresceram drasticamente em tamanho e impacto, com agora mais de 1.300 clubes na Austrália retribuindo às suas comunidades. Cem por cento dos fundos doados ao Lions são usados para financiar projetos Leonísticos.

Da Divisão 7 do Distrito 201V5, associados do South Vermont e Box Hill Lions Club caminham juntos. (Com PDG Pat Mills, Coordenadora do Diabetes do DM 201, e PID Tony Benbow na primeira fila.)

Da Divisão 7 do Distrito 201V5, associados do South Vermont e Box Hill Lions Club caminham juntos. (Com PDG Pat Mills, Coordenadora do Diabetes do DM 201, e PID Tony Benbow na primeira fila.)

Para ver as fotos dos eventos da Volta no mapa do Lions, visite a página do Facebook sobre a Volta no mapa do Lions.


A Companheira Leão Sari-Elle Kraemer é associada do Lions Austrália e ocupou a função de presidente da Divisão 7, presidente conjunta do Coogee Lions e dirigente de RP para os Lions clubes do distrito de Sydney/lha Norfolk.

A pandemia de coronavírus (COVID-19) impactou comunidades em todo o mundo de diferentes maneiras. Para garantir que estamos servindo com segurança onde quer que vivemos, os Leões devem seguir as diretrizes dos Centros de Controle de Doenças, da Organização Mundial da Saúde ou das autoridades locais de saúde. Visite nossa página Servindo com segurança para obter recursos que podem ajudar você a servir sua comunidade com segurança.