Visit LCIF's new websiteLions Clubs International
Family and Friends Month
Lions Clubs Online Radio
Página inicialPágina inicial  >  Centro de atendimento aos sócios  >  Planejamento de projetos  >  Relações internacionais  >  Informações para assessores  >  Posicionamento e normas sobre a paz

Posicionamento e normas sobre a paz

EscadasApresentado nas Nações Unidas,
Nova York, Nova York

Segunda-feira, 14 de março de 1988

Mas essa tranquilidade é destruída pela existência de conflitos militares, de milhões de seres humanos que têm pouco ou nenhum acesso a necessidades básicas como alimento, água, roupa e moradia, de camadas da sociedade que sofrem com a fúria de epidemias ou desastres naturais. Como é possível haver paz para todos?

A busca da verdadeira paz deve incluir o reconhecimento da dignidade comum de todas as pessoas da sociedade humana.  A paz é fruto de entendimento, tolerância, amizade e assistência, baseados na crença de que as pessoas, apesar das diferenças raciais, étnicas e culturais, compartilham a mesma humanidade.

Desde sua fundação em 1917, a Associação Internacional de Lions Clubes reconhece a realidade fundamental de nossa era - que o interesse individual, nacional ou da comunidade não mais pode ser alcançado separadamente do interesse mundial. O Primeiro Objetivo do Leonismo, "Criar e alimentar um espírito de entendimento entre os povos do mundo", é muito parecido com a essência das Nações Unidas.  Foi importante os sócios do Lions terem assumido uma posição de liderança nas atividades durante a Conferência da Carta da ONU em São Francisco, Califórnia, em 1945.

No entanto, hoje o Leonismo está preocupado com a possibilidade de a retórica política, ouvida frequentemente em órgãos como o Conselho de Segurança e outros órgãos governamentais ao redor do mundo, transformar-se em ações que violem a paz mundial. Desse modo, a Associação Internacional de Lions Clubes recorre aos representantes do governo e a todos os órgãos legisladores para colocar o interesse público acima do interesse próprio. Insistimos para que esses representantes ajam com mais veemência, reconhecendo a necessidade de demonstrarem grande diligência para evitar ações que incitem a violência e destruam a paz.

Considerado isoladamente, um único ato de uma única pessoa ou um único país pode parecer insignificante; mas, quando somado aos projetos de centenas de comunidades e milhões de pessoas trabalhando juntas, o resultado reflete a magnitude do comprometimento como um instrumento para a paz e as relações internacionais.

É impossível haver algum progresso, alguma liberdade real e alguma paz verdadeira quando precisamos nos proteger constantemente contra ameaças de guerra em um mundo cheio de medo, desconfiança, inveja e animosidade histórica. O Leonismo oferece uma rede de 39.000 Lions Clubes em 162 países como prova de que pessoas de diferentes crenças e culturas podem trabalhar juntas para o bem comum. Os projetos de relações internacionais colaborativos desses clubes mostram que a paz não é um sonho, mas uma realidade concreta e vital.

Assim, pedimos que os líderes governamentais e legislativos tenham consciência de seu grande potencial como instrumentos efetivos para a promoção da paz internacional, que sejam sensíveis às necessidades humanas mundiais, reconheçam a interdependência humana na comunidade global e reafirmem seu compromisso de trabalharem juntos para atingir o objetivo comum a todos - a paz universal.


Fatal error: Call to a member function asXML() on a non-object in /home/lionsclu/public_html/php/member-center-story-intruder-header.php on line 11